quinta-feira, 23 de agosto de 2012

EXERCÍCIOS COM COMPLEMENTO NOMINAL E ADJUNTO ADNOMINAL


      1) Coloque A para adjunto adnominal e C para complemento nominal.

a) Aquela cadeira de ferro é muito resistente ( ).
b) Foi solicitada ao gerente a devolução do dinheiro ( ).
c) Aquela imagem de cera é esquisita ( ).
d) O caderno de anotações estava desorganizado ( ).
e) A construção do metrô se prolonga há muitos anos ( ).
f) As ruas do nosso bairro estão necessitando de reparos ( ).
g) O juiz determinou a prisão do bandido ( ).
h) A nadadora tinha certeza da vitória ( ).
i) A atitude do rapaz foi notável ( ).
j) O ataque do nosso time é uma piada ( ).
k) O temor de Deus é necessário aos homens ( ).
l) Ele estava desejoso de vingança ( ).
m) A introdução desses costumes não nos agradava ( ).



2) Leia o trecho a seguir.

O meu pai era paulista
Meu avô, pernambucano
O meu bisavô, mineiro
Meu tataravô, baiano
Meu maestro soberano
Foi Antonio Brasileiro

“paulista”, “pernambucano”, “mineiro”, “baiano” e “soberano” são adjetivos, mas apenas um apresenta função sintática diferente da encontrada nos demais. Assinale-o.

a) Paulista.
b) Pernambucano.
c) Mineiro.
d) Baiano.
e) Soberano.


3) Há um termo que se repete cinco vezes no texto. Quanto à análise morfossintática, ele é:

a) Pronome indefinido e núcleo do sujeito.
b) Pronome possessivo e adjunto adnominal.
c) Pronome demonstrativo e complemento nominal.
d) Pronome relativo e objeto direto.
e) Pronome pessoal e predicativo do sujeito.

Gabarito:

1 -  A,C,A,A,C,A,C,C,A,A,C,C,C.

2 - letra e (Comentário sobre a questão: Com exceção de "soberano", que exerce a função de adjunto adnominal, todos os outros adjetivos citados são predicativos do sujeito.).

3 -  letra b (Comentário sobre a questão: Por ser um pronome possessivo adjetivo, a palavra "meu" exerce a função de adjunto adnominal.).

62 comentários:

  1. Muito bom! Achei diferente, interessante.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. burro... nao estuda viu fica jogando lol ai seu merda , fica jogando clash royale e n sabe nada da vida seu bosta se vc estiver com uma gostosa do seu lado e ficar mechendo no celular eu saio da tela do meu computador e pulo na sua para te dar um murro seu arrombado punheteiro viado de merda bucetudo virjão da porra !!!

      Excluir
  5. Errei apenas B, E e I, resto acertei tudo, Vlw pelos exercícios prova amanhã

    ResponderExcluir
  6. uau, muito bom,errei apenas 1, prova amanhã

    ResponderExcluir
  7. O gabarito da letra K do exercício 1 deve estar errado,pois o temor é substantivo abstrato e de Deus é adjunto adnominal pois Deus nesse
    Contexto é agente e não paciente! Se fosse o temor a Deus seria complemento nominal, pois aí Deus seria paciente( Deus seria temido) mas está ao contrário. Portanto, GABARITO ERRADO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. O medo de deus é necessário aos homens.

      Excluir
    3. É necessário que os homens temam a Deus. Ou seja, os homens aí na questão "k" PRATICAM a ação de temer a Deus. A locução "de Deus" sofre a ação de ser temida. Como "de Deus" é o paciente e não a agente, temos um caso claro de Complemento Nominal.
      Portanto, gabarito correto.

      Excluir
    4. Negativo! Deus é temido pelos homens(Deus é paciente do temor dos homens)logo, trata-se de um complemento nominal.

      Excluir
    5. gabarito certo...Deus é temido´, e nao ao contrario

      Excluir
    6. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    7. Você está certo. É um erro que compromete a semântica da frase nos levando a erra em identificar se o substantivo é ativo ou paciente.

      Excluir
  8. Deus é temido é paciente ,portanto complemento nominal

    ResponderExcluir
  9. Deus é temido é paciente ,portanto complemento nominal

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Na 1, acertei 6 e errei 7, e acertei a 2 e a 3. TÔ BEM EM?

    ResponderExcluir
  12. A frase da letra (K) é ambígua... pode ser escrita na ordem direta ou inversa.

    ResponderExcluir
  13. ----------------MACETE PRA MATAR TODAS:--------------------------
    se o termo que esta a ser completado for adjetivo ou adverbio, altomaticamente é Complemeto nominal. se for substantivo CONCRETO, não será complemeto nominal, será adjunto. Se for ligado a um substantivo e for abstrato, pode ser AA ou CN, então você parte para a analise de atividade, se o termo destacado for passivo,no contexto da ação verbal,é CN, se for ativo é AA. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito bom. me ajudou muito. obrigado!

      Excluir
    2. muito bom. me ajudou muito. obrigado!

      Excluir
    3. automaticamente e com u e nao com L

      Excluir
  14. Muito bom só errei a letra g e m da primeira questão

    ResponderExcluir
  15. qual a diferença entre complento nominal e adjunto adnominal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://i2.wp.com/linguaportuguesa.blog.br/wordpress/wp-content/uploads/2015/06/adjunto-adnominal-e-complemento-nominal2.png

      Excluir
    2. http://i2.wp.com/linguaportuguesa.blog.br/wordpress/wp-content/uploads/2015/06/adjunto-adnominal-e-complemento-nominal2.png

      Excluir
    3. a diferença é que um esta em foz ativa (faz a açao) e o outro em passiva (sofre a açao ) no caso o adj adn é ativo e o complemento é passivo
      OBS: espero ter ajudado

      Excluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. Olá, as questões foram retiradas de algum livro? Se sim, qual?

    ResponderExcluir
  18. É só passar a oração para a voz passiva analítica, isto é, verbo de ligação + verbo no particípio, caso não dê para passar aí é adjunto:
    exemplo1 : A construção do metrô se prolonga há muitos anos
    voz passiva analítica: o metrô foi construído (termo preposicionado sofreu a ação).fez sentido? então é complemento nominal.

    exemplo2: Aquela cadeira de ferro é muito resistente. Não tem como transformar para voz passiva analítica . Será se o ferro foi cadeirado? a cadeira foi ferrada? não faz sentido.

    exemplo3: O juiz determinou a prisão do bandido.
    voz passiva analítica: o bandido foi preso. fez sentido? sim. então, é complemento nominal.

    ResponderExcluir
  19. Parabéns por socializarem conhecimento!

    ResponderExcluir
  20. Errei apenas a K e M.
    Obrigado pelo exercício.

    ResponderExcluir